Sair da caixinha no que diz respeito aos estilos de filmes e enfoques que eles dão é muito importante, especialmente quando pensamos na representatividade que isso pode ter para as pessoas. Falar da terceira idade se encaixa neste espectro e o cinema busca explorar essa temática sob várias possibilidades. Infelizmente, As Rainhas da Torcida escolheu a pior alternativa.

Martha é uma senhora rabugenta e amargurada com o câncer que descobriu recentemente. Sem querer fazer o tratamento, ela decide ir morar em um lar de idosos. Chegando lá, ela acaba encontrando muito mais do que a paz e tranquilidade que esperava.

O clichê começa com o roteiro, que é mais do mesmo que estamos acostumados atualmente. Eles colocam a melhor idade como algo muito caricato, especialmente quando o grupo resolve se tornar líder de torcida. Somos constantemente lembrados de que elas são idosas e têm limitações. Ao invés do roteiro focar em outras coisas, como explorar o passado das personagens e sua motivações, prefere andar em círculos e ficar nos reiterando do óbvio.

Como se não bastasse isso, ainda temos o elemento de contraposição que são as líderes de torcida jovens e sem educação, que decidem (a troco de nada) afrontar um grupo de idosas. As motivações ficam pouco convincentes e a construção deste embate é bem precária.

Focando no elenco, temos Diane Keaton (Alguém Tem Que Ceder) interpretando ela mesma, já que o personagem é semelhante a tantos outros filmes. Sem paciência, utilizando o mesmo guarda-roupa e cheia de manias. Acho Diane uma ótima atriz, mas ela realmente se colocou numa zona de conforto que está bem difícil de sair. Jacki Weaver (As Viúvas) é que consegue movimentar um pouco mais em cena, nos apresentando bons momentos.

Entre poucas risadas e muita caricatura, As Rainhas da Torcida é um longa excessivamente clichê e facilmente esquecível. Lamentamos a orientação que a diretora novata Zara Hayes deu ao roteiro, que já não era grande coisa. Uma pena!

Direção: Zara Hayes
Elenco: Diane Keaton, Jacki Weaver, Pam Grier, Celia Weston, Phyllis Somerville, Alisha Boe, Charlie Tahan, Bruce McGill

Assista ao trailer!

AVALIAÇÃO
1.9Deixe a sua também!
Votação do leitor 0 Votos

Pin It on Pinterest