Crítica: Teu Mundo Não Cabe Nos Meus Olhos

O longa nacional Teu Mundo Não Cabe Nos Meus Olhos traz a história de Vitório, um homem cego que é famoso no bairro do Bixiga, em São Paulo, por fazer uma das pizzas mais gostosas da região. Ele vive bem com a adversidade e construiu uma vida aprendendo a lidar com isso. A partir de uma insatisfação da esposa, ele resolve se sujeitar a uma cirurgia que pode fazer com que ele enxergue. Depois que isso acontece, as coisas vão mudando drasticamente na sua vida.

Quem acompanha o site aqui, pode estranhar a semelhança desta história com uma muito recente. Em Por Trás dos Seus Olhos, filme americano com Blake Lively e Jason Clarke, acontece exatamente isso aí. A diferença é que a vontade da cirurgia parte da própria protagonista. É difícil acreditar que esse filme americano, que é ruim, se torna “assistível” depois do nacional.

Teu Mundo Não Cabe Nos Meus Olhos é um dos piores filmes nacionais que eu assisti na vida. E olha que eu já assisti o longa da Larissa Manoela. Ele não oferece absolutamente nada ao espectador. O roteiro é péssimo, a história não convence, o arco narrativo é fraco e até as atuações são muito ruins. A todo momento fica parecendo que querem transformar o filme em uma autoajuda, mas isso falha terrivelmente. Os diálogos são fracos e parecem que saíram de uma peça de teatro de baixa qualidade.

A história não envolve o espectador e não oferece absolutamente nenhum ápice. Fiquei procurando o sentido de terem produzido esse filme e simplesmente não encontrei. Uma pena porque, efetivamente, são 90 minutos de minha vida que eu nunca terei de volta.

Assista ao trailer!

 

0 Comentários

Deixe um comentário

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register